Como Morreu LEILA LOPES

COMO MORREU

LEILA LOPES

 

 

Nome completo: Leila Gomes Lopes

Nacionalidade: Brasileira

Nascimento: 19 de novembro de 1959

Morreu em: 3 de dezembro de 2009

Idade: 50 anos

Profissão: atriz

Lugar da morte: sua casa em São Paulo

Causa de morte:

“Suicídio”

Como faleceu LEILA LOPES: Leila Lopes foi uma atriz que ficou conhecida do público quando trabalhou em Renascer, uma das novelas de maior sucesso da Rede Globo. No dia 3 de dezembro de 2009, Leila, que morava sozinha, escreveu duas cartas para seus familiares, pedindo que eles não chorassem.

No dia 3 de dezembro de 2009, o ex-marido da atriz tentou ligar para ela porém não teve retorno. Preocupado, pediu que uma amiga de Leila fosse até a casa dela. Como ninguém atendia a porta, essa amiga chamou um chaveiro para abrir a fechadura e quando conseguiram entrar, se depararam com o corpo da atriz, que já estava morta.

No local foram encontrados remédios de uso controlado e veneno de rato, além de duas cartas de despedida que Leila escreveu para seus familiares. Com essas evidências, e somando-se o fato de que o corpo não apresentava nenhum sinal de violência, a polícia chegou à conclusão de que a atriz se suicidou.

Seu corpo foi enterrado dia 5 de dezembro de 2009 no Cemitério Municipal Dois de Novembro, na cidade de Esteio, Rio Grande do Sul.

SAIBA COMO ELES MORRERAM

8 thoughts on “Como Morreu LEILA LOPES

  1. Meu Deus… Essas pessoas que tem problemas tipo depressão, pânico, etc… Sofrem DEMAIS!!!! Mas afinal quem é que não sofre, quem é que não tem alguma. Tipo de problema, nós não somos felizes o tempo todo, é qual seria a graça do mundo se fosse assim. Não estou julgando ninguém, apenas dizendo o que eu penso. Muita gente, se suicida achando que com isso todos seus problemas, suas angústias, suas tristezas, seja qual for o prolema que ela esteja passando vai acabar… Gente, NÃO VAI!!!! Deus te dá a VIDA e nenhum ser humano tem o direito de tirá-la, só Deus!!! Algumas pessoas irão entender o que eu quis dizer qdo falei que as pessoas que sofrem e resolvem acabar com sua própria vida, achando que todo sofrimento que ela está passando vai acabar, e como eu já disse, NÃO VAI!!! Um dia, teremos que prestar conta com Deus, e Ele perguntar: Meu filho ( a ), o que você fez com a VIDA que te dei? Eu tive depressão, síndrome do pânico, era uma pessoa melancólica, sofri por mais ou menos uns 10 anos, vivia dopada 24 HS de remédios, trabalhava, e tenho marido e 2 filhos, mas graças a DEUS, FAMÍLIA, AMIGOS, eu VENCI !!!!!!

    1. Parabéns pelo comentário Roberta. Você está correta. Seu comentário é muito bom para pessoas que pensam em tirar a própria vida, só Deus tem esse direito.

    2. Ilana
      Eu sofro de depressão e entendo perfeitamente o porque em alguns casos as peddoas se suícidam. Só quem passa é que sabe. Primeiro um dos sintomas da doença são justamente esse pensamento, vc não pensa em suicidio porque quer, os pensamentos negativos fazem parte da doença e você não tem controle. Segundo suicidar-se é um direito de cada um , como uma eutanásia, vc tem o direito de viver sofrendo na alma e na mente ou tb tem o direito de se matar procurando deixar de sofrer. Principalmente qdo vc esta c tratamentos c psicologos, psiquiatras e remédios e nada te cura. O q a pessoa vai encontrar do outro lado é um problema dela. Precisa ser muito corasojo para cometer suícidio.
      Eu sou covarde.

    3. Parabens Roberta pelo seu relato e opiniao,eu acredito que vai ajudar muitos que poderem ler.
      Lembro muito da:
      Cibele Dorsa,
      Heloisa Fassol(acredito que o sobrenome nao se encontra correto)porem duas mulheres com uma vida inteira pela frente que tambem foram vencidas pelo triste e ultimo ato aqui neste plano que e o suicidio.
      Apenas quem tem,quem enfrenta males terriveis como depressao,panico,medo,solidao,anedonia entre outros conhecem na terra o verdadeiro inferno.Partindo,tudo segue,de uma forma ainda mais intensa,entao o tao sonhado”Alivio”,nao sera encontrado ate um resgate que envolve tantas coisas…Somente Deus para esses casos.Nao existe uma cura,mas existe um ponto onde se pode estabelecer um relacionamento de paz consigo mesmo,claro,aceitando todas as conseuquencias da doenca,enfrentando,lidando com ela com realismo e jamais negar para si mesmo que e portador de uma doenca severa e que vai minando,exterminando vidas,sonhos,metas…Um dia estive assim,fui zumbi,tomada de drogas para enfrentar a doenca,vi minha vida acabar,e entao parti para a unica chance que eu tinha,Deus e fui viver longe de tudo que me causava sofrimento profundo,nao foi facil,tive que escolher,foi uma decisao dificil,mas abandonei tudo e ganhei a mim mesma.Enfrento a tristeza e depressao todos os dias,apenas ela nao mais me vence,diblo ela,as vezes ela vem muito forte,eu entao me mantenho uma fortaleza no embate,mesmo que depois eu caia o que e bem normal,mas ja muito ciente de que e necessario levantar e caminhar,nunca mais parei por depressao….Nao critico Leila,Cibele,Heloisa entre tantos outros,rogo que possam encontrar a misericordia pelo seus atos,eu compreendo a dor delas,tenho compaixao por elas e que ninguem acredite que esse e o caminho correto para seguir,por anos eu acreditei.

    4. Eu acredito que quando uma pessoa chega esse extremo é porque não vê mas nenhuma esperamça e sem sentido , acredito que seja um desespero tao grande que tirar apropria vida seja o fim de tanto desespero. As pessoas que comentem suicidio eu acho muito corajosas porque e difícil eu ja tentei , depois quase morrir de tremer depois do que estava fazendo, achei uma loucura e quando estava tentando sentia uma força que ficava falando na minha mente para continuar fazendo, eu acredito que era o diabo.
      comecei a orar de tanto medo.

  2. Roberta, desculpe-me, mas você não entende do assunto (não estou querendo ser grossa, por favor, não pense mal.). A Depressão não é tão simples como você COM CERTEZA PENSA (segundo o seu comentário), não tem como você comparar uma doença com coisas comuns no dia a dia-Ou por um acaso você chega em alguém que perdeu os cabelos, devido a quimioterapia, e fala “ah, mas toda vez que eu lavo, meu cabelo caí.”, ou fala? Acredito que não), é a mesma coisa com quem tem depressão, não tem como você dizer que é simples, porquê nem é nem nunca vai ser. Eu não te culpo por não saber/entender essa doença, mas julgar um portador ou um suicida, é muita falta de respeito, porquê você não tem noção do quanto a pessoa sofre/sofreu com aquilo. Você não faz ideia de como dói estar dentro dessa doença e ainda ser julgado(a), piora, acredite, ISSO NÃO AJUDA.

    Peço para que, por favor, assista o vídeo do link… Talvez você entenda um pouco do NÓS vivemos com essa doença. #Paz
    https://m.youtube.com/watch?v=uyUJWMSwqEI&fulldescription=1&gl=BR&hl=pt&client=mv-google

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *