Como Morrreu NESTOR KIRCHNER

COMO MORREU

NESTOR KIRCHNER

 

 

 Nome completo: Néstor Carlos Kirchner

Nacionalidade: Argentino

Nascimento: 25 de Fevereiro de 1950

Morreu em: 27 de Outubro de 2010

Idade: 60 anos

Profissão: Presidente, Político e Advogado.

Lugar da morte: Na sua residência de Los Sauces, Santa Cruz, (Argentina)

 

 

Causa de morte: 

“PARADA CARDIORRESPIRATÓRIA NÃO TRAUMÁTICA

 

Como faleceu Néstor Kirchner: Junto a sua esposa Cristina Fernández de Kirchner foram dormir na noite interior aproximadamente a uma e meia da manhã em sua residência de Los Sauces no El Calafate, Santa Cruz.

Às sete e meia, Néstor Kirchner acordou desassossegado com uma forte dor em seu peito e com falta de ar. Tentou se sentar, mas ao fazê-lo perdeu a consciência e caiu pesadamente batendo o rosto contra a borda de uma mesinha de cabeceira o que causou um ferimento cortante na sua testa.

Desesperada, a Presidente Fernández chamou imediatamente ao médico a Unidade Presidencial que estava de vigia no hotel de propriedade dos Kirchner localizado ao lado de sua casa. O Dr. Allen González, quem se dirigiu apressadamente. O ex-presidente estava inconsciente e com uma parada cardíaca.

Imediatamente ordenou chamar ao Hospital José Formenti colocou o desfibrilador e aplicou uma descarga sobre o peito de Kirchner, mas seu coração não respondeu. Continuou com as manobras de reanimação que incluíram a aplicação de uma injeção de adrenalina intracardíaca sem encontrar resposta.

As oito e cinquenta e cinco chegou a ambulância com a equipe médica do hospital e decidiram transportá-lo imediatamente ao centro assistencial de onde já se encontrava seu diretor, Dr. Marcelo Bravo e toda a equipe médica do hospital e da enfermaria necessária para atender a emergência. “Não me deixes, por favor, não me deixes”, era a súplica da Presidenta diante do corpo de seu esposo que seguia sem responder as incessantes manobras de reanimação. Uma vez no hospital o qual o ex-presidente ingressou as oito e dez, 16 médicos continuaram com a aplicação de todo o protocolo de ressuscitação cardiopulmonar. Foi uma luta em vão.

A Dra. Cristina Fernández de Kirchner permaneceu todo momento na sala onde se montou a sala de choque. Uma médica da equipe foi encarregada de lhe dar o detalhe do que estava passando com seu esposo.

Todos os esforços foram em vão, pelo que cumpridos todos os passos e os tempos de protocolo de reanimação, não houve mais que a evidência de uma só e penosa realidade: o ex-presidente havia falecido.

Durante 2010 a saúde de Néstor Kirchner se debilitou seriamente. Em fevereiro de 2010 foi submetido a uma operação de carótida. Em 11 de setembro de 2010 teve que ser submetido a uma angioplastia onde se colocou uma prótese.

Os médicos o haviam recomendado mudar seu estilo de vida devido ao estresse e lhe dado alta no dia seguinte.

Segundo o boletim médico oficial, Kirchner morreu em consequência de uma parada cardiorrespiratória não traumática.

Sua morte aconteceu no dia do censo populacional de 2010 na Argentina no dia declarado feriado nacional, pelo que causou maior impacto na população argentina.

Néstor Kirchner pode receber o sacramento da unção dos enfermos antes de morrer.

A morte de Kirchner causou perplexidade e comoção em todos os setores políticos, sociais e econômicos do país. Divulgada a notícia, milhares de pessoas se mobilizaram até a Praça de Maio para expressar sua homenagem.

Néstor Kirchner foi enterrado no Cemitério Municipal de Rio Gallegos em um túmulo familiar.

el-mausoleo-de-nestor-la-mejor-boveda-para-el-dinero-k

 

SAIBA COMO ELES MORRERAM

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *